segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Pais de Sam Alves contam que ele é resposta de oração


samDesde que sagrou-se vencedor do programa “The Voice Brasil”, o nome de Sam Alves, ganhou notoriedade. Embora não tenha cantado nenhuma canção gospel, a fé evangélica de Sam e sua família é um aspecto muito importante de sua vida.
Luiz e Raquel Alvez, seus pais adotivos, contam que após dois anos de casamento, não conseguiam ter filhos. Raquel tinha problemas para engravidar. Eles iniciaram então uma campanha de oração na igreja que participavam. Luiz é pastor batista. Ele lembra que “Oramos junto com um grupo de oração. Pedimos que fosse um menino, e decidimos que se chamaria Samuel, como na história da Bíblia”.
Pouco tempo depois, mais especificamente à 1h30m da manhã do dia 5 de junho de 1989, apareceu um bebê recém-nascido em sua vida. Ele fora colocado na porta da casa do casal, em Fortaleza, dentro de uma caixa de papelão. “Quando abri a porta e vi o bebê, tremi todo. Estava muito nervoso e liguei para a polícia porque não sabia o que fazer”, conta o pastor.  “Abri a caixa e o bebê estava lá, quietinho. Ele é um milagre”, relembra a mãe adotiva.
Luiz e Raquel decidiram ficar com a criança, enfrentando um processo de adoção que demorou dois anos e meio.
Aos 24 anos, Sam Alves pode se tornar uma grande figura no cenário musical nacional. Ele lembra que a mãe percebeu seu dom quando ele tinha 14.  “Ela me viu cantando no banheiro. Quando saí e fui até a cozinha, minha mãe já me esperava com o som ligado e disse: “Vamos ensaiar”, lembra.
Como Raquel já cantava no louvor da igreja, convidou o filho a fazer o mesmo, ao seu lado. Ele nunca mais parou. Em outubro de 2003, voltou para o Brasil com a mãe para trabalho missionário.  Sam ajudou a construir uma nova igreja em Brasília e cantava durante os cultos sozinho ou acompanhado pela mãe.
Chegou a gravar um álbum independente ao lado da mãe em um estúdio de Brasília. Entre as canções estava a música “You Are Lord” (“Tu és Senhor”). Durante a gravação, Sam escreveu duas músicas adicionais em português que também foram incluídas. O álbum foi gravado ao vivo no dia 6 de dezembro de 2006, na igreja que sua mãe construiu.
Com a vida dividida entre o Brasil e os Estados Unidos, para onde a família mudou quando ele tinha 4 anos, Sam canta tanto em português quanto em inglês.
Por isso, chegou a ser selecionado para fazer uma participação em um show de Michael W. Smith, um dos principais cantores do segmento cristão nos Estados Unidos. Essa apresentação o levou a ser escolhido pelo diretor do Dove Singers para interpretar Jesus em uma turnê musical na região da Nova Inglaterra durante duas semanas que antecederam a Páscoa de 2010.
Em seguida, Sam Alves foi convidado a liderar uma equipe de louvor e adoração para o grupo de jovens de uma grande igreja no centro de Massachusetts e, em poucos meses, tornou-se líder da equipe principal de louvor da igreja.
Contudo, seu grande sonho era ser médico e ele chegou a começar o curso de Medicina na Universidade em Worcester, em Boston. Três anos depois, largou. “Não queria ser cantor, sou tímido. Só tomei mesmo a decisão depois de participar da edição americana do “The Voice” por insistência da minha mãe”, lembra.
Mesmo eliminado na versão americana do programa, ele decidiu continuar tentando. “O principal foi minha mãe acreditar em mim. Eu sou tímido, carinhoso, me apego as pessoas. Minha fé é muito importante”, afirmou após o final do programa.
Ao ganhar o The Voice Brasil, ficou com os 500 mil reais do prêmio e o contrato para gravar um CD. Anunciou que está voltando definitivamente para morar no Brasil. A partir do dia 25 de janeiro começa uma turnê com os finalistas do The Voice, que fará apresentações em diversas capitais. Com informações do jornal Extra.

Sabrina Sato confessa que incorpora com demônio pomba gira; assista

sabrina satoDurante uma entrevista em um dos programas da Rede TV, Sabrina Sato revela aos seus entrevistados que recebe pomba gira, e que quando ele incorpora em seu corpo, ela diz que dá muita vontade de beijar na boca e fazer doideiras.

Globo pode desistir definitivamente do Festival Promessas

Globo pode desistir definitivamente do Festival PromessasGlobo pode desistir definitivamente do Festival Promessas
A Globo anunciou que a partir de 2014 não haverá mais a edição nacional do “Festival Promessas”, apenas edições regionais. Esta semana porém a jornalista Keila Jimenez, da coluna Outro Canal da Folha de São Paulo, noticiou que a emissora carioca pode desistir definitivamente do festival de música gospel.
Vários motivos levam Jimenez a acreditar nessa hipótese. Um deles seria a baixa audiência da edição de 2013, outro motivo seria problemas entre a Som Livre e seus principais representantes do segmento.
Como já noticiamos no Gospel Prime, o grupo de louvor Diante do Trono pretende deixar a gravadora das Organizações Globo assim que acabar o contrato que vence em 2014. Para romper com a Som Livre antes desse período o grupo teria que recorrer à justiça, mas o Diante do Trono já informou que prefere negociar “uma saída amigável”.
O terceiro motivo para o cancelamento definitivo do Festival Promessas seria o fim da GEO Eventos, empresa que realizava não só o festival, como também o Troféu Promessas e a Feira Internacional Cristã (FIC). A entrega dos troféus de 2013 foi realizada via Correios e a primeira edição da FIC, que aconteceu em julho, não teve o resultado esperado e por isso o projeto foi descontinuado.
Em resposta à Keila Jimenez a Globo reafirmou que pretende continuar com as edições regionais do festival, mas a forma de transmissão e os locais para tais eventos ainda serão analisados.

sábado, 28 de dezembro de 2013

Programas Evangélicos da TV que mais parecem um $hop Time Gospel

Programas Evangélicos da TV que mais parecem um $hop Time Gospel
A teologia da prosperidade impera. Ganância é confundida com “vitória”. Na televisão só se vê (fora em pouquíssimas exceções), os “pregadores midiáticos favoritos alimentadores de polêmicas” pregarem por mais dinheiro, mais benção, mais carro e mais. Eles também prometem mais à você, se você, claro, comprar ou contribuir. É assim que o deus deles age.
Assistindo aos programas da vitória em “jesus”, me confundo com o canal Shop Time. Mais da metade do tempo é investido em venda. É uma apelação desesperada. O apelo é tão intenso que me pergunto se estão passando fome ou estão alimentando milhares na África. Não, meus amigos. Longe disso (a Forbes que o diga!).
É Bíblia cor de rosa para mulheres, cor de laranja para os jovens, amarela para os adolescentes, vermelha não sei prá quem. Tudo sempre “na promoção”. Mas não bastam livros, Cd’s, dicionários, enciclopédias, revistas e etc. Ainda há a garantia de 100% de lucro (se é que isso é possível) para todos que se tornem revendedores. Assim, a fortuna segue crescendo para a “glória de deus”.
Para estes pastores, um desabafo missionário: Na visão deles, a Missão só funciona se der retorno ($$$). Missões Transculturais ou entre a Igreja Perseguida? Não existe no meio deles. Nem ao menos no discurso. Apesar de alguns falarem como se conhecessem o mundo islâmico de perto. Very funny…
Para 2014, meu desejo à todos nós, é que façamos um propósito de praticar a Palavra de Deus. Que o Reino de Deus implantado na terra e nos corações seja nossa prioridade. Para os que não conseguem entender isto, ou não desejam por motivos de ganho pessoal, meu desejo de paz. E que a justiça de Deus, habite em nossos corações. Por que no coração de Deus, ela já existe.
Nem carro novo, nem empresa e nem mais dinheiro. Em 2014 Busquemos em primeiro lugar o Reino de Deus e a Sua Justiça.
Pelo Reino, no Brasil e no Mundo!

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Evangélico, Sam Alves vence The Voice cantando “Hallelujah”. Assista!

Evangélico, Sam Alves vence The Voice cantando “Hallelujah”. Assista!Sam Alves vence The Voice cantando "Hallelujah"
Sam Alves é o vencedor da segunda temporada do The Voice Brasil com 43% dos votos do público. Sam tem 24 anos e surpreendeu os jurados nas audições às cegas e conquistou o público com sua voz e sua história.
Sam venceu Pedro Lima, Rubens Daniel e Lucy Alves. Ele interpretou “Hallelujah”, primeiramente em português e depois em inglês. Sam também dividiu o palco com Claudia Leitte. O participante e sua técnica cantaram “A Camisa e o Botão”, logo após de Claudia cantar “Claudinha Bagunceira”.
Samuel Alves nasceu em 03 de junho de 1989, mas foi abandonado dois dias depois em uma caixa de papelão à porta do então funcionário de escritório Luis e Raquel Alves, dona de casa e artista de gravação de música cristã em Fortaleza, no estado do Ceará, Brasil.
Apesar de não cantar nenhuma música gospel durante suas apresentações no programa, Sam Alves foi criado na igreja e chegou a ser selecionado como um tenor lead (principal) em uma participação em um show do cantor americano Michael W. Smith, um dos principais cantores do segmento cristão nos Estados Unidos.
A participação de Sam no evento de Michael W. Smith levou-o a ser escolhido pelo diretor do Dove Singers para interpretar Jesus em uma turnê musical na área da Nova Inglaterra durante duas semanas que antecederam a Páscoa de 2010.
Sam foi com os pais para os Estados Unidos com apenas quatro anos de idade em busca de uma vida melhor e foi criado em um estilo de vida cristão, seu pai é pastor da Igreja Batista. Sam foi ensinado pela mãe para tornar-se um cantor na igreja local.
Em outubro de 2003, ele voltou para o Brasil com a mãe para trabalho missionário.  Sam ajudou a construir uma nova igreja em Brasília e cantava durante os cultos sozinho ou acompanhado por sua mãe.
Ele chegou a gravar um álbum independente com a mãe em um estúdio de Brasília. Entre as canções estava a música  ”You Are Lord” (“Tu és Senhor”). Durante a gravação, Sam escreveu duas músicas adicionais em português que também foram incluídas. O álbum foi gravado ao vivo no dia 6 de dezembro de 2006, na igreja que sua mãe construiu.
Em 2010 Sam voltou com sua mãe para os Estados Unidos. Ele continuou a cantar em igrejas na região de New England no Canadá e também em Nova York. Depois do show ao lado de Michael W. Smith, Sam Alves foi convidado para liderar uma equipe de louvor e adoração para o grupo de jovens de uma grande igreja no centro de Massachusetts e, em poucos meses, tornou-se líder da equipe principal de louvor da igreja.
Curiosamente o cantor chegou a participar da audição às cegas da 4ª Temporada do programa da NBC “The Voice” cantando “Feeling Good” de Michael Buble, mas acabou sendo rejeitado pelos jurados.

Assista Sam Alves na final do The Voice Brasil:



Foragido da Justiça assiste a culto, se converte ao Evangelho e decide se entregar à polícia

Foragido da Justiça assiste a culto, se converte ao Evangelho e decide se entregar à polícia
Um homem foragido da Justiça se entregou à Polícia depois de assistir a um culto no último domingo, 22 de dezembro.
Liberman Dias de Oliveira, 34 anos, estava foragido da Justiça do Acre depois de fugir da penitenciária estadual de Rio Branco. Apelidado de “Ronaldinho”, o homem tinha conseguido a progressão de pena e havia sido beneficiado com o regime semi-aberto.
No domingo, foi ao culto de uma igreja Assembleia de Deus, onde ouviu a palavra e se converteu. Após sair da igreja, procurou uma guarnição da Polícia Militar e se entregou.
“Eu decidi me entregar, fui tocado pelo amor de Deus, não quero mais essa vida para mim. Eu estava usando muita droga aqui fora, mas depois que fui na Assembléia de Deus no bairro do Remanso senti que essa era a coisa certa a ser feita”, declarou o detento, segundo informações da Tribuna de Juruá.
Agora convertido, Liberman continua a negar a acusação que o levou à condenação. Em 1998, ele foi preso por latrocínio (roubo seguido de morte) de um segurança da Universidade Federal do Acre. O homem foi morto a pauladas.
Na ocasião, Liberman foi preso junto com um menor de idade, que o acusou de ordenar o assassinato: “Eu estava junto com o menino, mas eu não trisquei nem um dedo naquele homem. O rapaz que estava comigo era menor na época e disse que eu tinha mandado matar o homem. Eu respondo como mandante do crime, mas na verdade não fiz nada”, declarou.
O motivo da fuga da penitenciária, segundo ele, teria sido a vontade de ficar perto da família, na cidade de Cruzeiro do Sul: “Eu não tenho ninguém em Rio Branco, toda minha família é daqui, eu sentia falta deles e decidi vir pra cá. Já pedi diversas vezes que a juíza me transferisse para cá, mas ela não fez isso”, queixou-se.

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Críticas e baixa audiência marcaram o 3° festival promessas

Baixa audiência e críticas marcam Festival Promessas na GloboBaixa audiência e críticas marcam Festival Promessas
A terceira edição do Festival Promessas não gerou o resultado esperado pela Rede Globo e nem para os telespectadores. A transmissão do show gospel neste domingo (15) teve baixa audiência e muitas críticas nas redes sociais.
De acordo com o site “Notícias da TV” o programa teve média de 8,3 pontos na Grande São Paulo (cada ponto representa 62 mil domicílios). A Globo não contava que o SBT colocaria o sertanejo Luan Santana no mesmo horário, deixando o programa da apresentadora Eliana praticamente empatado com 7,5 pontos.
No domingo passado, no mesmo horário, o festival Sintonize, de música sertaneja, registrou 21% a mais no ibope e no domingo retrasado foram 32% a mais.
Nas redes sociais o show gospel também teve baixa e ao contrário dos primeiros anos, não chegou ao topo dos assuntos mais comentados no Twitter.
Os internautas comentaram bastante sobre as apresentações de Jonas Vilar, Diante do Trono, Oficina G3, Bruna Karla, Thalles Roberto e Aline Barros, mas muitos deles foram críticas ao evento.
Muitos evangélicos não aprovaram o programa, por ser mais um show musical que um espaço para levar a mensagem verdadeira do Evangelho.
“Um evento cheio de idolatria, cheio de ganância, cheio de amor ao dinheiro. Uma vergonha! Ser cristão verdadeiro não é cantar musiquinhas gospel e dizer que é evangélico. Não é assim, e o Festival Promessas não nos representa”, escreveu Richardson Gomes no Facebook.
“O que se viu na tela da Rede Globo, nesta tarde de domingo 15/12, não passou de um show de exagero, breguice, meninice é pouco, mas muito pouco compromisso com o sentido real da palavra ‘evangelho’!”, escreveu Gesson Vasconcelos também no Facebook.
Assista na íntegra:

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Há muitos animadores de auditório e poucos pregadores da Palavra, diz pastor



O reverendo Augustus Nicodemus Lopes explica os motivos que o levam a não acreditar que o Brasil esteja passando por um avivamento espiritual.
Enquanto muitos chamam de avivamento as cruzadas de evangelização, os shows gospel, e as manifestações do Espírito, o pastor presbiteriano diz que há outros fatores a serem considerados para afirmar que há avivamento.
“Historicamente, os avivamentos espirituais foram responsáveis diretos por transformações de cidades inteiras, mudanças de leis e transformação de culturas. Durante o grande avivamento em Northampton, Estados Unidos, dois séculos atrás, bares, prostíbulos e casernas foram fechados, por falta de clientes e pela conversão dos proprietários”, diz.
Outro ponto citado é referente ao mercado gospel, há muitos shows acontecendo em todas as partes do Brasil, mas para Augustus Nicodemus sobra música e falta ensino bíblico. “Nunca os evangélicos cantaram tanto e nunca foram tão analfabetos de Bíblia. Nunca houve tantos animadores de auditório e tão poucos pregadores da palavra de Deus.”
O reverendo lembra do avivamento da época de Esdras em Israel quando as pessoas ficaram por horas em pé somente para ouvir a Palavra de Deus. “Não vemos nada parecido hoje. A venda de CDs e DVDs com shows gospel cresce em proporção geométrica no Brasil e ultrapassa em muito a venda de Bíblias”, explica ele.
Ainda falando sobre adoração, ele afirma que “há muitos suspiros, gemidos, sussurros, lágrimas, olhos fechados e mãos levantadas ao alto, mas pouco arrependimento, quebrantamento, convicção de pecado, mudança de vida e santidade”.
O despertamento dos corações também é outro fator que caracteriza o avivamento, assim como a união dos verdadeiros crentes, assim como o conhecimento da verdade do Evangelho.
“Há uma mescla de verdade e erro, de emoções genuínas e falsas, de conversões verdadeiras e de imitações, experiências reais com Deus e mero emocionalismo”, continua Nicodemus que lamenta que muitos cristãos reformados falem pouco sobre o tema e não orem pelo avivamento no país.

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Torcedor do Vasco preso por agressão era de igreja evangélica


Torcedor do Vasco preso por agressão era de igreja evangélica

Ainda repercutem as imagens das agressões entre torcedores do Vasco e do Atlético Paranaense no jogo de domingo na Arena Joinville. Uma das imagens mais populares nas redes sociais é a de um torcedor segurando uma barra de ferra com um prego na ponta.
Trata-se de Leone Mendes da Silva, 23 anos, conhecido como Curirim. Ele foi preso dentro do banheiro de um ônibus que levaria os vascaínos para o Rio de Janeiro. Agora vai responder junto com outros dois, por tentativa de homicídio, associação ao crime e incitação de violência.
Entrevistada pelo jornal Extra, a mãe de Leone, Cleuza Mendes da Silva, de 48 anos, conta que ele é barbeiro, dono de um salão em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense. Também é ex-saxofonista da banda da igreja evangélica local.
“Ele sempre torceu pelo Vasco, mas esse fanatismo aumentou com o tempo. Eu sempre falando: “Meu filho, larga isso de jogo, de torcida”. Mas nunca pensei que ele faria uma coisa dessas. Eu preciso que ele me explique o que aconteceu lá. Ele é um rapaz bom”, conta Cleuza.
A pessoa que ele ajudou a agredir ainda está no hospital. Leone continua detido na Penitenciária Regional de Joinville. A mãe, os parentes e os vizinhos dizem desconhecer essa faceta do jovem.
“Eu estou realmente surpresa. Ele foi aluno do meu marido, frequentou a minha casa e sempre foi uma ótima pessoa. Não sei o que aconteceu”, afirma uma vizinha que não quis se identificar.
Torcedores foram identificados por imagens feitas na Arena Joinville (Foto: Geraldo Bubniak/Agência Estado)
Os vizinhos da frente, incluindo um jovem que também pertence a uma torcida organizada do Vasco, afirma que Leone nunca criou problemas nas partidas que acompanhou.
Segundo o Extra, em agosto de 2011, Leone e outros seis homens foram presos com morteiros e pedras por causa de um confronto com os integrantes da Young Flu. Todos foram obrigados pela Justiça a permanecer oito meses longe dos estádios.
Sem saber o que ocorrerá com o filho, a afirmação da mãe é contundente: “Eu oro que isso sirva para ele voltar para os pés do Senhor e para mim. Também peço que o jovem ferido fique bem, para dar paz à mãe dele, que está sofrendo tanto quanto eu. Porque houve má organização, mas nós que sofremos”.

sábado, 7 de dezembro de 2013

MANDELA, De família metodista, saiu da prisão para ser presidente


Morre Nelson Mandela, conheça o testemunho cristão do líder africano
A morte de Nelson Rolihlahla Mandela nesta quinta-feira (5), mostrou sua importância como uma das figuras mais reverenciadas do mundo. Ele foi preso político na África do Sul durante 27 anos. Ao sair, consagrou-se como uma dos maiores opositores do apartheid. Tornou-se presidente e governou sua nação entre 1994 e 1999.
Em 1993, recebeu o prêmio Nobel da Paz. Depois que deixou a presidência, passou a se dedicar a campanhas contra a Aids na África do Sul, visando diminuir os casos da doença que ainda é um grande problema no continente africano. Depois de se aposentar da vida pública em 2004, raramente era visto em público. A última aparição foi em 2010, na cerimônia de encerramento da Copa do Mundo.
Ao partir deste mundo aos 95 anos deixa um legado histórico. Mas poucos lembram da fé do primeiro presidente negro da África do Sul.
Em sua autobiografia, Long Walk to Freedom [Um Longo Caminho para a Liberdade], Mandela conta sua conversão ao cristianismo. Ele vem de uma família evangélica metodista: “A Igreja estava tão preocupada com este mundo quanto com o céu. Eu vi que praticamente todas as realizações dos africanos pareciam ter surgido através do trabalho missionário da Igreja”.
Em Long Walk, que deverá chegar aos cinemas em 2014, Mandela lembra como se tornou membro da Associação de Estudantes Cristãos e dava aulas aos domingos em escolas bíblicas nas aldeias vizinhas. Tendo estudado em escolas evangélicas até o ensino médio, sempre defendeu o poder transformador da educação.
Também conta como, algumas semanas antes de ser eleito presidente, pregou num culto de Páscoa de uma igreja cristã. Após ler as bem-aventuranças, começou a louvar a Deus por que “nosso Messias ressuscitado não escolheu uma raça, não escolheu um país, não escolheu uma língua, não escolheu uma tribo, mas escolheu salvar toda a humanidade! ”
Makaziwe Mandela, sua filha, contou que com a saúde cada vez pior, “O que fazemos a cada dia é pedir graça ao bom Deus… Ele está em paz consigo mesmo, já deu tanto para o mundo. Acredito que ele está pronto para partir em paz”.
Embora nem sempre destacado pela imprensa, Madela, assim como Martin Luther King Jr., pautou sua luta pelos ensinamentos de Cristo. Não advogava a violência e sempre falava sobre seu compromisso com Cristo. Uma das ideias que mais difundiu nos anos que governou foi “perdão”, evitando que se iniciasse um processo de descriminação reverso na África do Sul. No famoso sermão da Páscoa de 1993, Mandela proclamou: “Cada Páscoa marca o renascimento da nossa fé. Marca a vitória do nosso Salvador ressuscitado sobre o suplício da cruz e da sepultura”.

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Vídeo que circula nas redes sociais mostra ressurreição de menina após oração de pastor

Vídeo que circula nas redes sociais mostra ressurreição de menina após oração de pastor; Assista
Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um pastor orando pela ressurreição de uma criança chamada Vitória.
Embora a descrição do vídeo no YouTube não explique as circunstâncias da morte, os fiéis da congregação no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, intercedem pela criança e clamam por milagre.
O vídeo mostra uma mulher segurando a menina nos braços e dizendo que não aceita a perda, quando um homem, descrito como pastor Isaías, toma a criança pelos braços e pergunta o nome aos presentes.
Depois de colocá-la no púlpito, o pastor lembra que Jesus disse que no nome dele seriam operados milagres. Nesse momento, a criança passa a mexer os olhos e o pastor a levanta, mostrando aos demais fiéis que ele havia ressuscitado.
Alguns sites que repercutiram o vídeo questionaram sua veracidade e a falta de explicação sobre o que levou ao suposto falecimento da criança no culto. Assista e tire suas conclusões:
Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Gil Gomes afirma que só precisa de Deus para se curar

“Só preciso de Deus para me curar”, afirma Gil Gomes, com mal de Parkinson"Só preciso de Deus para me curar", afirma Gil Gomes, com mal de Parkinson
Essa semana a imprensa divulgou que o apresentador e radialista Gil Gomes, 73 anos, estava doente e passando necessidades por ter sido abandonado por sua família. Mas em entrevista ao UOL ele negou as informações e disse que tem mal de Parkinson, mas que está muito bem economicamente e psicologicamente, mostrando que tem fé para ser curado.
“Estou muito bem economicamente e psicologicamente. Minha família não me abandonou, faço tratamento para mal de Parkinson e vou me recuperar. Só preciso de Deus para me curar, para que eu possa voltar a trabalhar”, disse.
Gil Gomes está aposentado e mora sozinho na zona sul de São Paulo por opção própria. Ele disse que seus filhos já o convidaram a morar com eles, mas ele não aceitou. “Minha mãe morou sozinha, minha avó e também vou morar sozinho. Velhos têm algumas manias”, disse.
O apresentador Raul Gil fez uma visita a Gil Gomes recentemente e diz que a situação financeira dele não é boa. “Ele não está bem economicamente, precisa de ajuda”. O político Agnaldo Timóteo fez o mesmo e disse que não é justo ver que o comunicador paga aluguel.
O apresentador esteve no auge da carreira no início da década de 1990 quando comandava o programa “Aqui e Agora” no SBT. Ele também participou de programas da TV Gazeta, da Rede Record, Rede TV e também atuou em rádios.

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Veja o vídeo. Pastor que batizou Carla Perez larga o evangelho e abraça os orixás de xangô .

Homem com o corpo em chamas incendeia igreja e mata pastor; Veja o vídeo

Homem com o corpo em chamas incendeia igreja e mata pastor; Veja o vídeo
Um pastor faleceu vítima de um incêndio na igreja evangélica St. Paul’s By-The-Sea Episcopal Churchem, em Ocean City, no estado norte-americano de Maryland, depois que um homem entrou no templo com o corpo em chamas.
Durante uma celebração, o homem entrou pela porta pedindo socorro, com as roupas pegando fogo. Os frequentadores tentaram ajudá-lo, porém, as chamas logo se espalharam pela mobília e paredes da igreja.
O homem que pedia socorro foi identificado como John Raymond Sterner de 56 anos, segundo informações da CNN. O pastor da igreja, reverendo David Dingwall, foi encontrado pelos bombeiros numa das salas de apoio do templo inconsciente, cercado de “muita fumaça e intenso calor”. Socorrido, David não resistiu à inalação de fumaça e faleceu no hospital.
Além da morte de John e do pastor David, uma fiel ficou gravemente ferida, e continua internada sob tratamento intensivo no hospital local.
A polícia vai investigar o motivo de John ter tido seu corpo incendiado. Entre as hipóteses, os investigadores acreditam que ele tenha entrado em contato com alguma substância altamente inflamável, o que teria facilitado a propagação das chamas.
O pastor David era bastante conhecido na cidade, e o chefe dos bombeiros, Chris Larmore, lamentou sua morte: “É um dia de luto para toda a comunidade”, disse em entrevista à CNN.
Assista a um vídeo do incêndio: